sábado, 22 de outubro de 2011

BANCO CENTRAL DO BRASIL

UMA BOA NOTÍCIA PARA O POVO BRASILEIRO, A REDUÇÃO EM 0,5 PONTO PERCENTUAL DA TAXA BÁSICA DE JUROS.
ESSA AÇÃO DO BC TRAZ ALÍVIO PARA O MERCADO, APONTANDO PARA UM MELHOR FINAL DE ANO PARA O COMÉRCIO EM GERAL.
POR OUTRO LADO, RECAI SOBRE  O BC UMA RESPONSABILIDADE MAIOR NO QUE DIZ RESPEITO A INFLAÇÃO, GRAÇAS AOS ELEVADOS GASTOS DO GOVERNO, E A REDUÇÃO ACENTUADA NOS RECURSOS EXTERNOS, SEJA POR CAPTAÇÃO OU INVESTIMENTOS DIRETOS NA PRODUÇÃO. 
ACREDITAR NA DEMANDA INTERNA COMO SALVAÇÃO DA ESTABILIDADE ECONÔMICA DO PAÍS, É UM RISCO ELEVADO E QUE, CEDO OU TARDE, IRÁ MOSTRAR OS DESEQUILIBRIOS REAIS DA ECONÔMIA BRASILEIRA.
SEM AS DEVIDAS REFORMAS FISCAL E TRIBUTÁRIA, O BRASIL JAMAIS ALCANÇARÁ UM PLANEJAMENTO A LONGO PRAZO, NECESSITANDO A TODO O MOMENTO REALIZAR AJUSTES PARA SOBREVIVER AO MERCADO MUNDIAL.

VIVA O BRASIL, COM AS REFORMAS NECESSÁRIAS PARA O SEU CRESCIMENTO SUSTENTADO.

*SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL* -- EM PRIMEIRO LUGAR O BRASIL, "MAS SÓ APÓS O RECESSO", O POVO ESPERA, "É TUDO MANSO". -- *VIVA AS FÉRIAS*

É ESTARRECEDORA A *POSTURA* ADOTADA PELOS MINISTROS DA MAIS ALTA CORTE DE JUSTIÇA DO PAÍS, O ((*SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL*)), DIANTE DA ATU...